Últimos filmes que assisti #9

Foto: Reprodução/We Heart It
Acho que faz um tempinho que não falo de filmes por aqui, né? Pra ser sincera, nos últimos tempos tenho me dedicado mais a livros, coisas artesanais e a não enlouquecer de vez hihi. Mas como eu estava com diversos títulos cinematográficos assistidos acumulados para fazer crítica, parei de procrastinar e vim logo escrever esse post!

Descendentes 2 


Mal, Jay, Carlos e Evie tentam encontrar seus lugares em Auradon, mas a pressão de se tornar um membro perfeito da realeza deixa Mal deslocada.

Eu achei essa sequência (que demorou demais para ser lançada) muito mais legal que o primeiro, desde a trilha sonora até os conflitos - grandes e pequenos - que são resolvidos ao longo da trama. Muita gente pode achar a atemático de Descendentes ruim, mas eu acho, no mínimo, divertida. A intenção é ver o lado dos "filhos dos vilões", e no primeiro filme sempre é lembrado que eles são os filhos dos vilões; já no segundo, isso ficou um pouco esquecido. 

Gostei bastante das músicas, embora claramente elas não sejam geradas totalmente por vozes humanas (o.O). Alguns personagens são bem caricatos, tem lições bonitas a se absorver, inspirações de looks à lá vilões e os efeitos especiais são horríveis. De toda forma, é um entretenimento legal :) 

Cisne Negro 


Nina é uma bailarina cuja obsessão pela dança supera todas as facetas de sua vida. Quando o diretor artístico da companhia decide substituir sua prima ballerina para a produção de estreia de "O Lago dos Cisnes", Nina é sua primeira escolha. Sua concorrente é a novata Lily. Embora Nina seja perfeita para o papel do Cisne Branco, Lily personifica o Cisne Negro. A rivalidade entre as duas bailarinas se transforma em uma amizade distorcida e o lado obscuro de Nina começa a vir à tona.

Com certeza esse é um filme perfeito para pessoas que de interessam pela mente humana. Nina é uma mulher inocente, retraída e com o único intuito de ser perfeita no que faz. Quando ela ganha o papel dos dois cisnes (o bom e o mal) em "O Lago dos Cisnes", ela se vê dívida entre continuar sendo a bailarina/filha exemplar que sempre foi, ou deixar um lado que ela não sabia que existia aflorar. Isso acaba fazendo com que ela praticamente enlouqueça...

Ao longo do filme vemos muitos espelhos, e eles são a representação da quebra de realidade que Nina tem. Eu mesma me peguei perguntando se algumas coisas foram reais ou não. É um thriller psicológico que realmente nos deixa tensos e que retrata muitos assuntos, desde loucura até sexualidade, o controle de algumas pessoas sobre outras e a busca pela perfeição.

Salem Falls 


Baseado no best-seller de Jodi Picoult, o ex-professor Jack McBradden decide se mudar para Salem, em New Hampshire, para começar uma nova vida depois de ter sido falsamente acusado de ter abusado sexualmente de uma jovem. Jack encontra um novo emprego, refaz sua vida, e tudo vai bem até que um grupo de três adolescentes o acusa maliciosamente de ter abusado de uma delas na floresta. No centro de uma caça às bruxas moderna, Jack vai ter que provar mais uma vez sua inocência.

O que me chamou a atenção nesse filme foi justaste o "Salem" no título e as bruxas. Infelizmente achei que não fez jus ao modo de como as bruxas/wiccas agem, pois uma das adolescentes usa da magia para conquistar um homem, e mexer no livre-arbítrio não faz parte da verdeira feitiçaria.

A trama em si é bem formada, mas tem algumas ressalvas, como por exemplo uma paixão rápida demais, o desespero desmedido dessa adolescentes para conseguir um namorado, o final muito corrido e o mistério resolvido muito facilmente. Esses dois últimos pontos acabaram deixando algumas coisas voando. Ele está disponível no YouTube, e acho algo bem leve e recomendo, afinal tem coisas boas, sejam elas perturbadoras ou fofas.

Meus 15 Anos 


Bia descobre que vai ganhar uma festa de 15 anos. O problema é que a garota sonhadora não tem muitos amigos para convidar, por ser pouco popular na escola. Ela conta com a ajuda do único grande amigo e do pai para consertar a situação.

O filme é inspirado em um livro de uma autora chamada Luly Trigo. Eu o li há uns três anos atrás e gostei, pois na época eu gostava de livros mais simples; hoje, eu acho o livro infantil e sem nada demais, tanto que eu já vendi o meu tem um tempo. Na história original, Bia ganha uma festa incrível dos pais e tem que lidar com a paixonite pelo ~ menino popular e chato da escola ~ e com as intrigas da ~ garota chata, invejosa e popular da escola. Já no filme, ela ganha a festa num sorteio (o.O), é órfã de mãe, é taxada de "esquisita" e tem um amigo só. Ou seja, tem diferença de um pro outro.

Particularmente, eu não gostei do filme. Chegou num momento em que eu me perguntava quando vai acabar. A fotografia e a trilha sonora são bonitinhas, mas o clímax é muito clichê e a protagonista se tornou uma idiota que largou o único melhor amigo por um garoto escrotinho que só estava enrolando ela. A atuação da Larissa Manoela é boa, mas, às vezes, ela perde aquela inocência que é característica da personagem. Em resumo, é um filme com um monte de gente chatinha e bonita demais e cheio de dramas de ensino médio que, depois que saímos de lá, não fazem o menor sentido. 

Lagoa Azul - O Despertar 


Após um acidente durante a viagem de formatura, dois estudantes ficam presos em uma ilha deserta e dependem um do outro para sobreviver. Aos poucos, percebem que há uma atração entre eles.

Vou começar dizendo que eu sempre achei a ideia da Lagoa Azul estranha e desesperadora. Gosto do filme antigo, mas fico me imaginando naquela situação (eu iria pirar na primeira semana). Bom, mas esse remake ficou bem bobinho se compararmos ao antigo. Nele, dois adolescentes acabam indo parar numa ilha depois de um acidente que ele causou, e lá desenvolvem uma atração rápida demais e praticamente tiram férias de seus problemas existências. Tudo é resolvido muito facilmente, os problemas adolescentes deles parecem bem idiotas e a toda hora eles ficam com briguinhas... é uma história leve sem muita emoção nem nada.

A Babá 


Cole é loucamente apaixonado por Bee , sua babá. Até que o garoto acaba descobrindo que ela na verdade é uma assassina adoradora do Diabo. Com isso, para que não revele o segredo, Cole está na mira da babá e seus amigos.

Definitivamente esse filme é bobo e idiota, e de tão bobo e idiota, ele se torna engraçado. É basicamente a história de um garoto que tem uma babá interessada em vender a alma dela e dos colegas pro diabo. Cole acaba flagrando a todos no meio do ritual, e daí começa uma perseguição onde um quer matar o outro.

O roteiro, por mais que pareça original, não é. Tem todos os clichês de filmes de terror, mas com personagens que parecem ter sido tirados diretamente de algum dos filmes da franquia Todo Mundo em Pânico (odeio esses filmes! são muito bizonhos). Muitas coisas simplesmente não cabem no roteiro, por exemplo o Cole perguntando a todo instante enquanto está amarrado porque o outro cara está sem camisa, a garota bonitona levando um tiro no peito e não morrendo, ou pior, a babá em si que inventou de fazer um ritual satânico bem no meio da sala da casa do menino de quem ela cuidava. É um filme engraçado, mas é um filme ruim, entende?

Últimos filmes que assisti #1 | Últimos filmes que assisti #2 | Últimos filmes que assisti #3 | Últimos filmes que assisti #4 | Últimos filmes que assisti #5 | Últimos filmes que assisti #6 | Últimos filmes que assisti #7 | Últimos filmes que assisti #8

Quais foram os últimos filmes que vocês assistiram? Tem alguns para me indicar? Estou planejando um futuro post sobre os filmes japoneses inspirados em Death Note e outro com filmes para o Natal!

Isso é tudo, pessoal! Rainha Vermelha, 

SOMOS TODOS LOUCOS AQUI

17 comentários :

  1. Eu to doidinho pra ves Descendentes 2, adoro essas coisas da disney, as pessoas me julgam mas eu não ligo.
    Cisne Negro e Meus 15 anos são filmes que eu comecei e não terminei, e nem foi porque achei ruim, mas porque eu sou muito afobada e não consigo terminar de assistir as coisas.
    Mas eu ainda quero terminar de assistir porque parecem ser muito bons.
    Agora Lagoa Azul voce apelou kkkkkkkkkkkkk quantas vezes já vi o filme original na sessão da tarde, mas na epoca achava ele muito bom.
    Nunca nem tinha ouvido falar desse remake, mas se aparecer por aqui eu assisto.
    Ouvi falar bastante desse A Baba, quero assistir, se minha atenção deixar, eu ainda vejo essa semana hehe

    https://enleiosdenami.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensei que só eu tinha essas loucuras de começar algo e não terminar. Tem uma lista de incontáveis filmes e séries parados na Netflix :p
      Ooh, acho que passei uma ideia errada com minhas palavras sobre Lagoa Azul: eu gosto do filmes antigo, mas a ideia de ficar num ilha me desespera haha!

      Beijos :*

      Excluir
  2. Amei as tuas indicações, no mais tava bem a fim de assistir a Babá, mas se é mais do mesmo nem irei perder o meu tempo.

    Beijinhos da Paty ;)

    https://patybookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não indicaria "A Babá" pra ninguém, pois realmente é muito tosco haha. Assista por sua conta e risco :p

      Excluir
  3. Da sua lista o que assisti e super gostei foi Meus 15 anos, não li o livro, mas senti orgulho pra produção nacional que não deixou a desejar em nada para os filmes gringos. Já Lagoa Azul - O Despertar vi, mas não curti prefiro o original e Descendentes 2 não conseguiu me conquistar como o primeiro tanto que nem cheguei a terminar. Os demais não conhecia, então valeu a dica.


    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meus 15 Anos lembrou bastante aqueles clichês americanos, mas eu não consegui gostar. Sobre Descendentes 2, aaaa!, termina de assistir sim haha :p

      Excluir
  4. Desses filmes eu assisti Descendentes 2 (lembro de um tempo atrás ter comentado com você sobre minha ansiosidade pra assistir!) - achei um amorzinho, e pode parecer besteira, mas quero o 3. E vi também os "Meus 15 Anos", que, até então tinha visto muitas críticas positivas e no final quebrei a cara, já que também achei uma história digna de um clichê, li o livro aos meus 11 anos e juro que tinha amado, mas parece que esse estilo de livro da menina timida que vira a cara e se decepciona no final é um roteiro "muito batido". Nunca vi Lagoa Azul e nem A Babá, que, infelizmente, não me deram tanta vontade de assistir.
    Beijão Luh!

    Simplesmente Criativa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, vou assistir Cisney Negro, nunca tinha ninguém falar dele e confesso que fiquei animada! E sobre Sallem Falls, vou assistir pelo youtube e tirar minhas próprias conclusões.

      Excluir
    2. Eu também fiquei curiosa para ver um terceiro filmes de Descendentes, mas tenho quase certeza que vai demorar bastante pra ser lançado haha. Ah, e que ~alegria~ achar alguém que concorda comigo sobre Meus 15 Anos! Acho que é um filme/livro feito para meninas bem mais novinhas que a gente :p

      Depois me conta o que achou de Cisne Negro e Sallem Falls! :*

      Excluir
  5. Adorei os filmes, dependentes e o melhor de todos ❤ Confesso que me arrependi muito de ter visto meus quinze anos, os outros filmes são clássicos que eu também adoro
    Adorei o post
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você viu Meus 15 Anos no cinema? Eu também teria me arrependido hehe :p

      Excluir
  6. Aaaah, você assistiu Cisne Negro! Eu amo muito esse filme, lembro que na época que assisti comecei a pesquisar sobre ele loucamente e cada nova descoberta queria rever pra ver se fazia sentido o que a pessoa tinha falado (e sempre concordava hahaha). Tem um vídeo incrível dum cara que desmembra a relação bizarra que ela tem com a mãe dela que explodiu minha mente! Maravilhoso.

    Eu pensei em assistir o Meus 15 Anos por curiosidade, mas nem tentei porque acho que eu ia ficar com preguiça master também. Melhor evitar, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ressaltando que assisti Cisne Negro graças a indicações do seu blog, e amei *-* Vou pesquisar um pouco essas teorias, pois realmente fiquei interessada!

      Sobre Meus 15 Anos, dá preguiça sim haha :p

      Excluir
  7. oiê!

    que post gostoso de ler. várias indicações boas que eu nem sabia da existência. sério. por exemplo: não sabia que "Os descendentes" havia ganhado um segundo filme, tampouco o remake de "A lagoa azul". irei assistir à ambos, além de "Salem Falls" que já até salvei nos favoritos o filme no youtube. #esperto :D

    já quero mais posts com mais indicações! <3

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai achar muitas outras indicações nos posts mais antigos! Depois me conta o que achou dos filmes :D

      Excluir
  8. Menina, eu nunca tinha ouvido falar nesse Descentes aí, qnt mais o 2! hahaha Vou procurar saber mais.
    Cisne Negro é incrível, e esse Salem Falls tb me chamou a atenção pelo nome hahah, já quero ver!
    No geral, parecem ser bons filmes :)

    Beijos!
    www.negavaidosa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Descendentes é um filmes do Disney Channel, nem todo mundo conhece hehe.

      Excluir

Recadinho: clique em "notifique-me" para descobrir qual foi minha resposta ao seu comentário, e para que possamos conversar melhor ;)