A Menina Submersa: Memórias (Caitlín R. Kiernan)


A partir de hoje, eu, Luana de Souza, Rainha da Corte Vermelha do Reino Intraterreno, estou me comprometendo a fazer, no mínimo, uma resenha por mês! Atenha-se às minhas palavras: não estou jurando nada, apenas me comprometendo. Posso acabar descumprindo, mas vou ter a consciência tranquila de saber que não vou perder meus poderes por isso.

Enfim, depois da minha breve apresentação ali em cima, vamos direto ao ponto. Hoje vou falar de um livro que eu li tem algumas semanas, e que já foi citado no post de Livros para o Halloween: A Menina Submersa.

uma "obra prima do terror e da fantasia dark" da nova geração


A Menina Submersa: Memórias é um verdadeiro conto de fadas, uma história de fantasmas habitada por sereias e licantropos. Mas antes de tudo uma grande história de amor construída como um quebra-cabeça pós-moderno, uma viagem através do labirinto de uma crescente doença mental. Um romance repleto de camadas, mitos e mistério, beleza e horror, em um fluxo de arquétipos que desafiam a primazia do "real" sobre o "verdadeiro" e resultam em uma das mais poderosas fantasias dark dos últimos anos. Considerada uma "obra-prima do terror" da nova geração, o romance é repleto de elementos de realismo mágico e foi indicado a mais de cinco prêmios de literatura fantástica, e vencedor do importante Bram Stoker Award 2013.

O trabalho cuidado de Caitlín R. Kiernan é nos guiar pela mente de sua personagem India Morgan Phelps, ou Imp, uma menina que tem nos livros os grandes companheiros na luta contra seu histórico genético esquizofrênico e paranoico. Filha e neta de mulheres que buscaram o suicídio como única alternativa, Imp começa a escrever um livro  de memórias para tentar reconstruir seus pensamentos e lutar contra o que seria "a maldição da família Phelps", além de buscar suas lembranças sobre a inusitada Eva Canning, sua relação com a namorada e consigo mesma, que é evoca em muitos momentos a atmosfera de filme como Azul é a Cor mais Quente (Palma de Ouro em Cannes, 2013) e Almas Gêmeas (1994), de Peter Jackson.

Não se assute: é um livro dentro de um livro, e a incoerência uma isca para uma viagem mais profunda, onde a autora se aproxima de grandes nomes como Edgar Allan Poe e HP Lovrecraft, que enxergaram o terror em um universo simples e trivial - na rua ou ao lado das plácidas águas escuras do rio que passa perto de casa -, e sabem que o medo real nos habita. Caitlín dialoga ainda com o universo insólito de artistas como P.G. Wodehouse, Davis Lynch e Tim Burton, e o enigmático personagem Sandam, de Neil Gaiman, com quem aliás, trabalhou, escrevendo The Dreaming, spin-off derivado da obra-prima de Gaiman, A Menina Submersa evoca também as obras de Lewis Carrol, Emily Dicknson e a Ofélia, de Hamlet, clássica peça de Shakespeare, além de referências diretas a artistas mulheres que deram um fim trágico à sua existência, como a escritora Virginia Woolf.

Com uma narração intrigante, não-linear e uma prosa magnífica, Caitlín vai moldando a sua obsessiva personagem. Imp é uma narradora não-confiável e que testa o leitor durante toda a viagem, interrompe a si mesma, insere contos que escreveu, pedaços de poesia, descrições de quadros e referências a artistas reais e imaginários durante a narrativa. Ao fazer isso, a autora consegue criar algo inteiramente novo dentro do mundo do horror, da fantasia e do thriller psicológico.

A epígrafe do livro, retirada de uma música da banda Radiohead – “There There” –, diz muito sobre o que nos espera: “Sempre há um canto de sereia lhe seduzindo para o naufrágio”. A Menina Submersa é como esse canto, que hipnotiza até que tenhamos virado a última página, e fica conosco para sempre ao lado de nossas melhores lembranças.

A menina submersa


Ler esse livro foi como estar presa numa realidade alternativa. Imp é uma mulher esquizofrênica que decide pegar sua máquina de escrever e datilografar sua história para tentar assimilar tudo o que aconteceu com ela nos últimos tempos e separar o que foi real do que foi imaginário. Ela não é uma narradora confiável; por conta de sua doença, vive se contradizendo e às vezes é difícil acompanhar os raciocínios dela. Sua mente está dividida entre duas lembranças (se assim podemos chamar), e ela não sabe em qual deve confiar.

Demorei um pouco na leitura pois eu queria entender o que se passava na cabeça da protagonista, e, em muitos capítulos, eu lia e parava para analisar o que estava acontecendo. Várias cenas são extremamente confusas, como nas partes em que ela estava tendo surtos, mas isso só serve para que nós adentremos ainda mais a mente de uma pessoa realmente doente.

Ao longo do livro a gente encontra diversas referências a livros, filmes e quadros (Lewis Carroll estava presente em muitos capítulos, o que me deixou extremamente feliz). Imp gosta de nos dar pequenas introduções e relacionar um assunto ~aleatório~ ao que se passa em sua cabeça. Para muitos isso pode arrastar a leitura, mas eu realmente gostava. 


A Menina Submersa trata de assuntos que nem todo mundo gosta de escrever ou consumir, como doenças psicológicas e transexualidade, e isso só me fez admirar ainda mais a autora.

No geral, o livro é incrível! Não é como as tradicionais histórias que giram em torno de um vilão e um mocinho, mas sim uma garota confusa que tenta se recuperar e entender o que realmente aconteceu com ela. Se tornou uma das leituras que eu levo pra minha vida toda e que indico para todo mundo. ❤



A edição é uma preciosidade, assim como todas da DarkSide Books. Como se já não bastasse ser a primeira editora brasileira dedicada totalmente ao terror e fantasia, todas as suas histórias são minuciosamente selecionadas.

Além de ser em uma edição hardback (capa dura), não há nada escrito na frente ou verso, o que deixa o livro parecido com um diário. As laterais são rosa-pink (já vieram assim), o que deu um charme super único, e o marcador de fitinha combina com elas. As páginas são amareladas e levemente porosas, com uma diagramação ótima, tem desenhos ao longo do livro... enfim, a Caveirinha está de parabéns!



TEC-TEC-PLIM!


Como eu tinha dito, Imp está escrevendo sua história numa máquina de escrever. Acabei não resistindo e fotografei a minha querida Olivetti Lettera 32 ❤ que foi presente de aniversário de uma tia e que é meu maior xodó!







ISBN: 978-85-66636-53-6 | Editora: Darside Books | Páginas: 317 | Tradução: Ana Rezende e Carolina Coelho

Alguém aí já leu? O que acharam? Quais outros livros da caveirinha vocês me indicam?

Isso é tudo, pessoal!

SOMOS TODOS LOUCOS AQUI

79 comentários :

  1. Oi Luana, este livro deve ser muito forte, porque trata de uma doença, algo sério. Deve ser meio confuso no início, mas já sabemos o porquê. Achei interessante a temática e o livro é lindo.
    Charme-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente tem algumas cenas realmente fortes, então acho que é bom estar um pouco preparada!

      Excluir
  2. Eu tenho visto esse livro em alguns site e é a primeira vez que leio sobre ele. Primeiro preciso comentar que a capa é linda e foi a primeira coisa que me chamou atenção rsrs Segundo que apesar de não gostar de terror estou morrendo de vontade e curiosidade para ler essa história rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar de ter umas cenas bem tensas, eu não diria que ele é um livro de terror. Leia sem medo :)

      Excluir
  3. Oiie!!

    Eu acho a edição desse livro tão linda *---* Dark Side sempre arrasa, haha! Sou louca para ler A Menina Submersa,a história parece ser muito boa e de um estilo que eu gosto muito também ^^
    Ah sim, amei essa sua maquina de escrever ♥ Sou louca pra ter uma, mas ainda não encontrei nenhum lugar por aqui que venda :( E sobre suas fotos, achei elas um amor <3

    Me Cativastes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os livros da Caveirinha são incríveis <3

      Ah, e eu fico muito feliz que tenha gostado das fotos, chuchu. Realmente é meio difícil encontrar essa preciosidades para vender; na internet é mais fácil ;)

      Excluir
  4. AHHHH ESSA EDIÇÃO É TÃO MARAVILHOSA! eu amo livros com temas fortes, em especial, doenças e esse já entrou na minha lista! Parabéns pelos fotos maravilhosas! ♥
    www.parisdepriscila.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado da indicação e das fotos, amor <3

      Excluir
  5. Já tem um tempinho que ouvir falar sobre livro, e já estava na minha lista, mas depois dessas resenha foi para lista "prioritária" hahaha
    Tu sempre lacra nas fotografias, e não foi diferente nesse post, parabéns <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloca em primeiro lugar na lista haha! Muito obrigada pelo carinho, florzinha *-*

      Excluir
  6. Suas fotos e edições são excelentes, me interessei muito pela leitura da obra, também com uma resenha dessas né?! Esse livro parece ser bem forte e impactante, vou adicionar a listinha de desejos haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu espero que você leia e goste, amora. Ah, e obrigada <3

      Excluir
  7. Oi, Luana!
    Estou com esse livro na minha listinha, mas parece ser o tipo de livro que exige muito do leitor, e no período que estou, tenho que ler algo leve, talvez quando acabe o semestre eu comece a lê-lo. Parece ter uma narrativa densa, já que se trata de uma personagem aparentemente incoerente.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espere até você estar com a mente boa e ~aberta~ o suficiente para entrar na realidade da personagem :)

      Excluir
  8. Não sei o que mais gostei a resenha do livro ou a capa do livro! Já tinha visto para vende em algum lugar esse livro, quando vi, achei lindo a capa, mas não comprei, agora estou me arrependendo...kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espere aparecer alguma promoção boa na Amazon e então aproveita ;)

      Excluir
  9. Essa capa desse livro é maravilhosa. Quero muito ler, já está aqui em casa só aguardando na fila. Fora que acho o assunto do livro e a maneira como a história foi escrita bem interessante. Ah e amei sua máquina de escrever! Lindas as fotos!
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo menos você já tem o livro aí com você :D depois que ler, me conta o que achou!

      Fico muito feliz que tenha gostado das fotos, fofinha <3

      Excluir
  10. Confesso que não sou fã de livros com histórias como essa, que a pessoa está doente, porque eu me sinto mal de tanto que entro no universo dos livros, mas parece ser uma história bem intrigante pela sua resenha. Conseguimos ver quantos detalhes um livro pode possuir, começando pela capa e depois pela história. Uma boa resenha e fotos maravilhosas, parabéns!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é uma história totalmente diferente de todas que a gente vê por aí. Não é como se a personagem estivem estivesse com dores, como é o caso da maioria dos livros de doença. Ela está passando por conflitos internos muito ruins. é incrível!

      Fico muito feliz que tenha gostado <3

      Excluir
  11. Guria, eu tô louca por esse livro, há tempos! Acredite se quiser, mas na minha cidade, nunca encontro os livros da Darkside, acho que não são tão fãs de terror aqui kkkkk
    Enfim, eu estou louca para ler faz tempo, e acho que ainda nesse mês o compro! Adorei cada palavra da tua resenha <3

    http://umapartedemimblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma dica: compre pela internet, é bem mais em conta ;)

      Excluir
  12. Oi Luh! Olha, quando eu vejo um livro dessa editora já ficando babando, o trabalho deles é maravilhoso! Vou te contar que eu só vim ver se você responder meus comentários, mas não consegui resistir e tive que ler sua resenha. Passei pela palavra "transexualidade" e então li a linha que falava de transtornos mentais, e voltei pra ler a resenha toda. Como estudante de Psicologia (ainda que totalmente insatisfeita com meu curso) esses temas sempre me chamam atenção! Ver isso na literatura e na ficção só me deixa ainda mais interessada, porque acredito que a literatura (essa que as pessoas chama de "literatura de entretenimento") tem um grande potencial de transformar a vida das pessoas, e principalmente desenvolver empatia. Estou tentando ler mais mulheres esse ano (percebi que grande parte da minha estante é composta por autores, e não autoras) e como o livro foi escrito por uma mulher, estou liberada pra comprar uma edição dele! hahaha vou separar as moedinhas. Adorei o fato dela citar Neil Gaiman e Lewis Carrol, eu sou simplesmente apaixonada pela imaginação desses dois *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Que bom que voltou! Ah, e pode deixar que eu sempre respondo todos os cometário ;) se você quiser ter um ~controle~ maior, é só clicar no "notifique-me" ali em baixo.

      Sou apaixonada pelo mundo da psicologia e da psiquiatria, e isso contou pontos para que eu me interessasse por esse livro. Como você disse, é ótimo ver esses temas nas prateleiras de livrarias <3

      Diferente de você, eu costumo ler mais livros escritos por mulheres hehe.

      Excluir
  13. Que resenha maravilhoooosaaaa... Quero ler a Menina Submersa, quero ir para esse universo paralelo, quero ver o livramento do livro... Aliás com a sua resenha já tive um pouquinho do gostinho de estar dentro desse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que mergulhe de cabeça na história algum dia. Ah, e obrigada <3

      Excluir
  14. Antes de mais nada, gostaria de dizer que suas fotos são incríveis e eu fiquei apaixonada por sua máquina de escrever. Amei sua resenha, E eu estou louca para ler esse livro! Além da história parecer ser fascinante, o design da capa, diagramação do livro, é tudo muito lindo... Amei seu post.

    ResponderExcluir
  15. Confesso já ter lido sobre esse livro, mas que a sua resenha foi a única que me despertou tamanha curiosidade para ler esse livro viu!? Já estou surtando e me segurando pra não comprar ele agorinha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu espero que você leia o livro, porque ele é, ó, maravilhoso *-*

      Excluir
  16. Que capa linda, me interessei pela história, apesar de nunca ter lido algo do gênero. Não sei se gostaria, pelo fato dele parecer bem complexo e sou um grande fã de histórias mais leves, entende? Mas deixo meus parabéns pela resenha, Luana. Você arrasou demais nas fotos, de verdade. Gostei demais do seu estilo próprio, o que torna o blog diferente e melhor. E aproveitando a oportunidade, amei muito a sua máquina de escrever e sua postagem me deixou com vontade de ter uma, olha só.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou da resenha <3 obrigada pelo elogio!

      Realmente o livro é bem complexo, mas eu não costumo me importar. Gosto de histórias assim, mas também adoro as mais leves, hehe.

      Excluir
  17. Luana, eu to apaixonadamente apaixonada kkk pelas tuas fotos. Aquela que tu digitou(?) o titulo do livro foi pra me matar. Quanto ao livro, essa edição é MUITO LINDA, já tinha visto, mas fico meio assim de ler o livro porque não sou chegada a terror ou qualquer coisa que possa me dar medo haha mesmo assim, quero criar coragem pra um dia ler pq esse livro me atrai muito. E tua resenha ta incrível! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz em saber que gostou das fotos e da resenha, florzinha *-* muito obrigada haha!

      Acho que uma pessoa que não gosta muito de cenas mais tensas pode não gostar. Eu já não me importo, porque, pra mim, não foi muito um livro de terror, sabe?

      Excluir
  18. Deve ser um livro super profundo.
    Um tanto polêmico.
    Aqui tem uma máquina de escrever da minha mae e brincava nela kk. Amei suas fotos, lindas.


    www.brilhamiga.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei curiosa para saber qual o modelo da sua máquina, hehe. Muito obrigada <3

      Excluir
  19. Não sei pq, mas tenho um bloqueio com livro de fantasia, já tentei mas não rolou.rs :( Mas adorei a resenha você escreve super bem, também amei suas fotos. <3
    www.sandyhelena.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada um tem um estilo hehe Talvez você prefira outros tipos de livros!
      Fico feliz que tenha gostado <3

      Excluir
  20. Que fotos lindas meninas! Acho muito bonita a capa deste livro, mas a história não me chama atenção, não é o estilo de livros que gosto de ler, mas parece ser um bom livro.

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou uma pessoa bem eclética, então meu estilo de leitura é bem variado, mas entendo que tem pessoas que não gostam muito de livros assim.

      Excluir
  21. Primeiro de tudo: que capa maravilhosa desse livro! Já ouvi falar bastante desse livro mas nunca cheguei a ler.
    Ah, não posso esquecer de te parabenizar pelas fotografias e edição MARAVILHOSA <3
    Beijosss

    www.madamices.com

    ResponderExcluir
  22. Não é um gênero de livro que eu me interesse em ler,mas uma coisa que me chamou muito atenção foi a capa,parece aqueles livros de bruxas que aparece nas séries,que tu coloca uma chave igual aquele "desenho" de borboleta ele abre,muita imaginação mesmo.Eu amo suas fotos,sempre acompanho lá no Instagram todas,e meu sonho de consumo literalmente é uma maquina dessas,coisa que aqui na minha cidade nunca vou encontrar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa foi a primeira coisa que me chamou a atenção também, mas logo que li a sinopse eu me encantei pela história! Oh, sim, parece mesmo um livro de bruxaria <3

      Fico muito feliz em saber que acompanha o meu feed e que gosta das minhas fotos, lindinha. Muito obrigada :*

      ps: você deve encontrar um máquina assim na internet ;)

      Excluir
  23. Nossa, deve ser uma leitura bem profunda. A capa é simplesmente MARAVILHOSAAAAA! Amei as fotos, Lu!

    Bjos, Blog Marinspira <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais do que profunda, eu diria <3 muito obrigada, fofinha!

      Excluir
  24. Não sou fã desse genero de leitura, mas fiquei completamente apaixonada pela capa do livro. Os detalhes são lindos, essa vibe misteriosa tbm. Adorei o fato das folhas serem avermelhadas na lateral! As fotos tbm estão um arraso! adorei, beijos e sucesso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale dar uma chance, não só por conta da edição. Ah, e as páginas não são avermelhadas; são de um rosa bem chamativo.

      Eu fico muito feliz que tenha gostado das fotos, amor <3

      Excluir
  25. Eu amo fortemente todas as edições da Dark, a editora manda tão bem na criação e no design dos livros que é quase impossível não ter vontade de comprar todos, mesmo que alguns nem sejam bem nosso estilo rs. Menina Submersa tá na minha lista de desejos já faz um bom tempo e eu morro de vontade de ler, mas ainda não consegui. Tua resenha me fez ficar mais inspirada ainda. Admito que amo livros que envolvem referências e fantasia e temas mais pesados. Faz a gente entrar num mundo paralelo ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Caveirinha é uma das melhores editoras brasileiras <3 e esses livros com fantasia são os mais encantadores!

      Excluir
  26. Ouvi falar desse livro há um tempinho e inclusive li uma resenha também... ele parece ser fantástico e essa capa? Eu sou do tipo que julga o livro pela capa kkk então acho que leria ele varias e varias vezes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que livros com capas bonitas também me encantam *-*

      Excluir
  27. Me encantei com o livro de cara só pela capa e pelas laterais rosas. É algo que se visse na estante da livraria compraria sem pensar duas vezes porque esse livro é uma obra prima em termos de beleza, né?
    Eu quero muito ler esse livro e a tua resenha só me incentivou mais ainda. Adoro livros que fazem referência a outros artistas que adoro (olá Lewis Carroll e Shakespeare!) e a trama/enredo/história desse livro parece ser muito legal.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueci de dizer, as suas fotos estão lindas! haha <3

      Excluir
    2. O livro é realmente uma preciosidade <3 fico muito feliz que tenha gostado das fotos e que a resenha tenha de deixado com vontade de lê-lo!

      Excluir
  28. Eu acho esse livro tão lindo *-* ainda compro ele! A história eu tenho medo de não entender, pq eu tentei ler um livro nesse esquema e fiquei perdidinha até o final kkk Mas sua resenha está impecável e gostei muito as fotos estão fantásticas *-*

    Nuvem de Novembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É preciso ter bastante concentração para entender algumas passagens, mas nada impossível hehe :)

      Muito obrigada pelo carinho, fofinha!

      Excluir
  29. Amei a capa desse livro, eu compraria apenas para deixa-lo na minha cabeceira. Mas eu sei que não iria conseguir ler, pelo simples motivo de ser meio assustador hahahaha! Me sinto meio agoniada com livros assim.
    Beijos,
    www.hitsdomomento.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu fica bem ao lado da minha cama ^_^

      Excluir
  30. AMEI o seu post! As fotos estão incríveis, combinando extremamente com o post! E eu estou tensa até agora haha Parece até que li o livro ♥ Estou divida, a capa é melhor que a história, ou a história é melhor que capa?! O livro me encantou... Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, amor <3 ah, e eu posso garantir que tanto a edição como a história são incríveis!

      Excluir
  31. Olá Luana, que resenha top, gostei da sua maneira de escrever e do seu desejo em empanhar fazer uma resenha por mês, confesso que o que mais me chamou atenção não foi propriamente o texto e sim as fotografias que vc fez, ficaram lindas e remente a um tempo diferente. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz em saber que gostou da resenha e das fotos :)

      Excluir
  32. Primeiramente, suas fotos são incríveis. Segundamente, esse livro parece ser maravilhoso <3 Só pelo fato de tratar assuntos psicológicos já me atraiu haha Nunca tinha visto em lugar algum, alías, parece mesmo coisa rara, porque é lindo!
    Amei <3
    Bjus

    ResponderExcluir
  33. Realmente, não tenho o que dizer sobre seu post, É simplesmente maravilhoso!
    Essa edição é linda e a história muito fascinante. Tive a sorte de lê-lo ano passado e assim como você, também gostei muito. Adorei o jeito que fez as fotos, tão simples mas tão bonitas.
    Ahh, quero sua máquina de escrever ahhhhh é muito lindaaaa <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou das fotos, Lukas! :D e eu fico feliz em saber que você leu o livro e que gostou.

      ps: essa máquina de escrever eu não do por nada hehe meu xodó <3

      Excluir
  34. Os livros da Darkside são sempre lindos, né? Não tem como não morrer de amores pelo design deles! Acho fantástico.

    Sobre a "A menina submersa", confesso que comecei a ler faz um tempo e acabei deixando de lado. Acredito que cada livro tem seu tempo e nem sempre estamos prontos para ler determinada obra naquele momento. Foi exatamente o que senti! A trama parece fantástica e a sinopse é super cativante, apenas não tive aquele tchan e desisti. Porém, ainda pretendo lê-lo qualquer dia desses.

    Sua resenha ficou ótima, parabéns! <3

    Beijos,
    Attraversiamo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, chuchu. Oh, sim, todas as edições da Caveirinha são incríveis *-*

      Concordo com você: às vezes não estamos bem para ler tal livro, mas eu espero que você retorne a essa leitura um dia!

      Excluir
  35. Olá! Olha, eu que não sou fã desse gênero amei! Mesmo! Já havia me deparado com esse livro na Saraiva (que eu visito constantemente nem que seja para olhar), mas sua resenha despertou em mim algo que não havia despertado somente com as minhas visitas. Obrigada por existir! Espero ler esse livro um dia que estiver preparada psicologicamente hahaha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo carinho, lindinha! Espero que você embarque nessa leitura um dia :)

      ps: eu também faço visitas a livrarias toda hora, haha.

      Excluir
  36. UAU, eu PRECISO desse livro, eu amei a sinopse e amei a história, além de ter amado a capa!
    Já salvei na minha conta do skoob <3

    bruna-morgan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  37. Olá! Estou lendo este livro e estou adorando! Eu amo essas edições perfeitas da Darkside e minha coleção só aumenta rsrs. Adorei o post e as suas fotos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois me conta o que achou dele, amora <3 vou adorar saber sua opinião!

      Excluir
  38. Oi Lu! Esse livro está na prateleira há tempos (sim, eu comprei pela aparência linda dele! rs A DarkSide sempre me faz querer os livros mesmo sem saber se são legais) e me bateu aquela vontade de pegar ele e sentar na cama para começar a leitura.
    Eu realmente acho que a leitura um pouco confusa deve ser uma parte encantadora do livro, mas já vi várias críticas negativas ao livro justamente por causa disso. Bem, saberei a sensação assim que ler.
    Sem comentários para suas fotos, que não podiam estar mais coerentes com o que você narrou da história e lindas de morrer! <3
    Sou aficcionada pela caveirinha e, se curtir romances daqueles bons mesmo, que você fica louca para virar a página, recomendo as Crônicas de Amor e Ódio. Os primeiros e segundo volumes já foram lançados, são The Kiss of Deception e The Heart of Betrayal, respectivamente. O terceiro e último sai ainda nesse primeiro semestre.
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rê, faça um favor a você mesma e vá ler esse livro! Tire suas próprias conclusões quanto as cenas que são BEM CONFUSAS (eu gostei hehe). Oh, muito obrigada pelo carinho *-*

      The Kiss of Deception é um livro que eu estou ouvindo tanta, mais tanta gente falar, que já entrou pra minha wishlist, mesmo eu não sabendo paçocas do que fala a história hahaha!

      Excluir
  39. O livro é lindo e a sua composição para as fotos maravilhosas :)
    Fiquei muito curiosa para ler o livro, e ao mesmo tempo receosa por achar que a história deve ser bem pesada e não curto muito temas tensos e tristes. Mas estou muito propensa a ler, vou colocá-lo na minha lista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz em saber que gostou das fotos, chuchu <3

      Eu recomendo que leia o livro num momento bom da sua vida, quando não está passando por nenhum problema muito sério ;)

      Excluir

Recadinho: clique em "notifique-me" para descobrir qual foi minha resposta ao seu comentário, e para que possamos conversar melhor ;)