A Guerra que Salvou a Minha Vida (Kimberly Bradley)


Depois que o pacote com o primeiro livro em parceria com a DarkSide Books chegou, eu já fui logo deixando os outros dois livros que estava lendo de lado (não façam isso!) para lê-lo, pois assim que o lançamento foi anunciado, eu fiquei super empolgada. Naquela época, eu ainda não sabia que seria parceira hehe. Ah, como eu tinha dito, troquei o cenário das fotos da resenha :) 

A guerra que salvou a minha vida

A Guerra que Salvou a Minha Vida é um daqueles romances que você lê com um nó no peito, sorrisos no rosto e – entre um parágrafo e outro – lagrimas nos olhos. Uma obra sobre as muitas batalhas que precisamos vencer para conquistar nosso lugar no mundo 
Ada tem dez anos (ao menos é o que ela acha). A menina nunca saiu de casa, para não envergonhar a mãe na frente dos outros. Da janela, vê o irmão brincar, correr, pular – coisas que qualquer criança sabe fazer. Qualquer criança que não tenha nascido com um “pé torto” como o seu. Trancada num apartamento, Ada cuida da casa e do irmão sozinha, além de ter que escapar dos maus-tratos diários que sofre da mãe. Ainda bem que há uma guerra se aproximando. 
Depois que Londres se torna um lugar muito perigoso por conta da guerra, ela e seu irmão, Jamie, veem nisso uma oportunidade de fugir para tentar ter uma vida melhor. Mesmo com sua dificuldade para andar, eles conseguem escapar. Ao chegarem numa cidadezinha no interior, os dois são alojados na casa de Susan, uma moça que reluta em aceitá-los, mas que acaba por cuidar dos dois. É a partir disso que a história começa a se desenvolver...

"Dolorosamente adorável." (The Wall Street Journal)
Vamos do começo: eu tento usar da minha empatia em quase todas as situações que me são apresentadas. Falo isso por conta do preconceito que a Ada sofre por parte da mãe. Eu tentava, juro que tentava pensar que as pessoas daquela época foram criadas para acreditar em certos paradigmas, mas foi bem difícil. Ninguém deve ser tratado com inferioridade por ter uma deficiência!

Quanto à Ada, é encantador ver como é pra ela descobrir o mundo, pois ela nunca havia saído de dentro do quarto onde morava. Em muitas situações ela reluta em aceitar essa nova realidade; acha que não merece tudo o que está acontecendo, pois ser tratada como incapaz a vida toda acaba gerando nela um complexo de inferioridade. Tem momentos em que eu achava algumas atitudes dela erradas, mas daí eu lembrava que ela sofreu agressões físicas e psicológicas (isso se reflete em diversas cenas) desde que se entende por gente, e logo a vontade de que ela conseguisse enfrentar tudo aquilo voltava à tona em meus pensamentos (também tive vontade de entrar no livro para abraçá-la, hehe).

Não é só um livro sobre uma criança vivendo em meio a uma guerra. É um livro sobre uma criança que está vendo o mundo pela primeira vez, e, por acaso, este mundo está em guerra. É um livro inspirador, que nos dá aqueles pequenos impulsos para sermos mais valentes, e enfrentarmos nossas guerras internas diárias. Uma das melhores leituras de 2017, e um dos livros que eu vou levar para a vida toda!

Ah, e é muito bom lembrar que até mesmo o jeito como olhamos para uma pessoa, seja ela deficiente ou não, pode deixá-la magoada. Ninguém é culpado pelos seus problemas ou suas frustrações, então qual a necessidade de sermos grosseiros? Vamos ser mais gentis, por favor!


Histórias que se passam durante a Segunda Guerra Mundial são as minhas favoritas, mas até hoje eu não tinha lido nenhuma, além daquelas que vem nos livros didáticos (saudades, aula de história). Comecei a ler "A Menina que Roubava Livros", mas acabei vendo o filme sem querer antes de concluir a leitura, e fiquei tão mal com o final que larguei o coitadinho. De qualquer forma, acho que cada uma dessas histórias, sejam elas reais ou não, são especiais a seu modo... e tristes também </3

kimberly brubaker bradley


Kimberly Brubaker Bradley vive com o marido e os filhos em uma fazenda no sopé das Montanhas Apalaches, entre pôneis, cães, gatos, ovelhas, cabras, e muitas, muitas árvores. É autora de vários livros, entre eles Leap of Faith e Jefferson’s Sons. A Guerra que Salvou a Minha Vida ganhou o Newbery Honor Book, o Schneider Family Book Award e o Josette Frank Award, além de ter sido eleito entre os melhores livros de 2015 pelo Wall Street Journal, a revista Publishers Weekly, a New York Public Library e a Chicago Public Library, entre outros. (site)

SOBRE A EDIÇÃO



Em se tratando da DarkSide Books, a gente sempre pode esperar por edições lindas e com detalhes únicos. Por ser um lançamentos do selo DarkLove, a história e o designer do livro tem um lado mais fofo. A Caveirinha quer nos fazer morrer de amores!

A capa é dura e vem com o charmoso marcador de cetim que, nesse livro, é azul *-* esses detalhes na capa e que remetem a um trabalho de patchwork deram um toque peculiar e único ao livro. Ah, lembrando que os  elementos da capa tem a ver com a história, assim como os botões, linhas e o kit de costura das fotos do post. Eu amei a ilustração com o desenho da Ada e a pista de pouso ao fundo.


a folha de guarda tem essas ilustrações lindas e suaves de lavandas *-*



uma foto de crianças refugiadas igual a uma das que vieram no kit dos parceiros


uma notícia anunciando que 20 mil crianças foram embora de Londres e o botão que inicia cada capítulo


mais uma foto





Esses botões da foto são parte da minha coleção; comecei a colecionar ano passado por causa do filme Coraline :) 



ISBN: 978-85-9454-026-3 | Páginas: 233 | Tradução: Marina Serpa

Gostaram da resenha? E das fotos?! Alguém se interessou em ler? Vocês podem comprar o livro aqui.

Ah, preciso de uma opinião de vocês: vocês preferem que eu faça posts para a categoria Mr. Postman assim que receber um pacote da DarkSide Books e faça resenha depois, ou preferem que eu mostre tudo nas resenhas?

Isso é tudo, pessoal! Rainha Vermelha, 

SOMOS TODOS LOUCOS AQUI

79 comentários :

  1. G-sus amado eu NECESSITO desse livro agora! Já tinha visto a capa dele, mas não havia lido nada, por enquanto só tenho um único book da Darkside, mas já quero todos e esse já esta anotado na minha lista de desejados!
    Cara, que capa maravilhosa; cada detalhe mais lindo que o outro, que história incrível. Desculpa a palavra mas PQP que fantastico esse livro. Super quero! Amei a resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qual o livro da DarkSide que você tem, chuchu? Fiquei curiosa :) gostou dele?

      Oh, e eu fico muito feliz que tenha gostado da resenha. Muito obrigada pelo carinho *-* espero que você o leia e se apaixone também!

      Excluir
    2. Eu tenho o "Ed Lorraine Warren - Demonologistas"

      Excluir
  2. Mais um livro que vai para a minha lista interminável de futuras compras... Oi lindona! Respondendo a sua pergunta, eu prefiro que mostre tudo nas resenhas. Adorei a postagem e fiquei doidinha para ler! Nem preciso falar de todo o cuidado que a Editora tem com a parte estética do livro. Vou salvar o link aqui. Parabéns!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo conselho, fofinha :) fico muito feliz que tenha gostado da resenha.

      Excluir
  3. Ai que amor! Primeiramente, que edição né? Darkside sabe fazer livro!
    Agora sobre a história, parece ser muito fofa! Parece ser aquele tipo de livro que tem tudo pra ser pesado mas é feito de forma leve... tô certa?
    Quero muito ler, mas não sei quando vou ter a chance. Adorei sua resenha, é muito bem feita :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso, amora! *-*

      Fico muito feliz que tenha gostado da resenha. Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  4. Então, começando a responder pelo fim, faz primeiro o post de recebido, para o Mr. Postman, porque, daí, haverão dois e não só um post lindo aqui!! ehehe
    Eu também fiquei doida com esse livro quando lançou, a história parece super cativante e a Dark Side sempre arrasa nas edições, fazendo eu desejar os livros sem sequer ler as sinopses. Esse, por acaso, eu li... rsrs
    E, o que falar das suas fotos, eu simplesmente adoro o seu modo de fazê-las, são sempre numa vibe minimalista e linda que eu amo de ver (apesar de ser incapaz de fazer também... rsrsrs).
    Amei a resenha, o livro parece passar tanto sentimento e ideias tão firmes sobre descoberta, respeito, auto-aceitação e diferenças, que, sem dúvidas, é o tipo de história que enobrece! <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo conselho, Rê. Vou pensar nisso, pode deixar :)

      Fico muito feliz que você tenha gostado das fotos <3 sabe que eu também adoro suas resenhas, né?! Ah, e as suas fotos são muito lindas também!

      Excluir
  5. Menina, eu fiquei emocionada só lendo a sua resenha, imagina lendo o livro! hehehe
    Já vai pra minha listinha de livros pra ler.. e a editora darkside arrasa ne? A capa, as fotos, tudo lindo <3
    Ahhh amei suas fotos!!
    Bjs!

    www.negavaidosa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado, chuchu! <3

      Excluir
  6. Estou apaixonada pelas fotos do livro.Que coisa mais linda *-*

    Ainda não li nenhum livro da Dark Side .Estou com "Kiss the deception" na minha lista mas ainda não li.

    Gostei bastante da resenha , por ela eu ja estou sofrendo pela Ada.
    Lembrei até de que em algumas tribos indigenas quando a criança nascia com algum defeito era morta.Obviamente por ignorancia e não por maldade tanto nesse livro quanto nesses povos.
    E de pensar que hoje em dia ainda existe pessoas com uma mente fechada como essas...

    Bem ,amei a resenha

    Beijos
    (Parabens pela parceria 😘)

    Meu mundinho quase perfeito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, amora *-* ah, *"The Kiss of Deception"* é um dos livros que eu quero muito ler, poist é tnata gente falando bem que não tem como não cair nos seus encantos hehe.

      Excluir
  7. Tô apaixonada por essa capa. A história parece realmente muito tocante, adicionei na minha lista. Aiii meu Deus só hoje entrou 3 na lista, ta ficando difícil rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só quem é apaixonado por livros sabe qual é a sensação de adicionar vários livros na wishlit hehe :)

      Excluir
  8. Preciso ler esse livro!!!! Gosto de romances assim, intensos, que vibramos a cada capítulo!!!!

    ResponderExcluir
  9. Já tinha visto o no instagram mas nem tinha ideia do que se tratava o livro, ai tadinha da Ada meu Deus. Fiquei imaginando aqui tudo o que você descreveu. A história é linda e o livro em si, a capa desperta muito o meu interesse. Lindo demais!
    bjs
    Simplesmente Ciana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma história emocionante e que realmente vale a pena ler *-*

      Excluir
  10. Esse livro é envolvente, daqueles que a gente devora com uma caixinha de lenço do lado.
    Big Beijos,
    Lulu
    BLOG | CANAL

    ResponderExcluir
  11. Aaah cara, como assim? que livro maravilhoso! Que capa linda, que tudo de bom. Nunca tinha ouvido falar, mas eu amo história e amo livros sobre histórias de vida e principalmente quando os dois estão interligados. O único livro sobre segunda guerra mundial que já tinha ouvido falar é Anne Frank.
    Beijos (♥)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já tinha ouvido falar de vários livros que se passam durante a gurra, mas, como expliquei, ainda não nenhuma :p

      Excluir
  12. Eu simplesmente me apaixonei pelos personagens, pela história e pela edição. Esse livro transporta a gente para a realidade da Ada e a gente fica com um nó na garganta por vê-la enfrentar tanto sofrimento! É um livro que entrou para a lista dos queridinhos da vida!
    :)
    Colorindo Nuvens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, sim, se tornou um dos meus livros para a vida toda :3

      Excluir
  13. As fotos ficaram ótimas, como sempre
    A edição é linda, puro amor!!
    E fiquei com muuuuuita vontade de ler o livro, parece ser aqueles livros alucinantes que queremos saber logo como termina! ♥
    Amei!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado das fotos, amor <3

      Excluir
  14. Já quero fazer essa leitura! Tem jeito de ser envolvente!! Curti sua resenha! Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ter certeza que você vai devorar esse livro hehe ^-^

      Excluir
  15. Adorei a resenha e tenha certeza que esse livro ta na minha lista de desejados ❤
    As fotos estão maravilhosas, sério, amei de vdd.

    ResponderExcluir
  16. Nunca tinha ouvido falar mas fiquei louca para ler, fiquei muito curiosa sobre como é essa descoberta do mundo que ela faz. Ainda nao li nada da perspectiva de uma pessoa com deficiência, ainda mais uma história tao peculiar quanto alguém que jamais saiu de casa por conta dessa deficiência.
    Ah você acreita que eu comprei A menina que roubava livros e só li o primeiro capítulo? Precisava me mudar e a grana estava curta, tive que vender meus livros. Me arrependo muito de nao ter comecado a ler antes para terminar a tempo, apesar de ter certeza que o final é triste (mas nunca vi o filme, só imagino mesmo).
    Enfim, obrigada pela dica de leitura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa foi também foi uma experiência literária diferente para mim, pois, mesmo eu sendo meio anti-social, não me imagino presa dentro de casa nem por alguns dias, quem dirá ficar a vida toda! Fui um tanto angustiante pensar que a Ada nunca tinha saído de dentro do apartamento em que vivia.

      Oh, e foi uma pena você não ter conseguido ler "A Menina que Roubava Livros"! O filme é muito bonito e triste ao tempo, então imagino que o livro também seja.

      Excluir
  17. Adorei a história. Que bom que Ada conseguiu melhorar de vida. Já estou louca pra terminar de ler 💜

    ResponderExcluir
  18. Que livro diferente , nunca tinha visto nada parecido e vc sempre arrasando nas fotos.

    ResponderExcluir
  19. Nossa, pensei que o livro era maior! Só 233 páginas e mesmo assim, parece ser extremamente emocionante. Adorei a sua resenha, as fotos estão lindas e - não sei se já falou disso aqui - adoraria ver uma postagem falando mais dá sua coleção de botões!
    Literalize-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Posso garantir que toda a emoção cabe direitinho nessas poucas páginas hehe. Fico muito feliz que tenha gostado do post, e já deixei anotadinha sua dica de post :)

      Excluir
  20. Eu tô bem curiosa quanto ao livro, ele parece ser daqueles que tira o fôlego rs. Também achei que fosse maior, acho que, por conta da capa dura e da edição ter diversas fotografias, acaba sendo mais grosso. Ainda assim, acho que a história tem tudo para ser incrível e cheia de aprendizados. Eu, particularmente, amo histórias que envolvam esse lado da guerra ou do nazismo, não pelo contexto, mas pela forma como as pessoas sobreviveram a esses episódios e tiraram o melhor de si para acalentar outras pessoas. Enfim, amei ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é cheio de detalhes ~lindos~ e isso nos faz pensar que ele é maior, mas a verdade é que o número de páginas dele é mais que o suficiente para nos encantarmos ^-^

      Excluir
  21. Fiquei com muita vontade de ler este livro, ainda não tinha visto falar dele em lugar nenhum, mas sua resenha me deu tanta curiosidade de saber aonde vai dar essa história que estou na necessidade de comprar. Gosto de histórias assim, que mostra a vida das pessoas que vivem entre guerras, vê como ela viveu durante um tempo difícil é bem inspirador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gosto muito de ler sobre guerras, espacialmente sobre a Segunda Guerra Mundial. Ah, tenho certeza que vai amar esse livro ^-^

      Excluir
  22. Que livro lindooooo!! E suas fotos que coisa mais linda!!
    Nunca tinha ouvido falar mais fiquei curiosa!

    ResponderExcluir
  23. Que livro mais lindo, nos dois sentidos. A edição é maravilhosa, essa capa e todo o livro por dentro são demais. E também em questão de história. Só pela resenha já parece sensacional :)
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não consigo decidir se gostei mais da edição ou da história hehe :)

      Excluir
  24. Adorei sua resenha! Eu amo livro de romance e já fiquei apaixonada por esse. Preciso urgentemente! Ele é bem intenso né??!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, amora! A, e a resposta é sim, o livro é intenso e emocionante :')

      Excluir
  25. Preciso dizer que esta capa é linda, sério!
    Curtir bastante a história, me chamou muito a atenção!
    Beijo ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que iria amar a história :D

      Excluir
  26. Oie!
    Uma foto mais linda que a outra. Essa edição realmente inspirou e nunca conheci uma coleção de botões...adorei! <3
    Eu, tendo uma deficiência física, logo me interessei por esse tema. Parece que o desenvolvimento do enredo lembra um misto de Quarto e o filme Jardim Secreto.

    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, chuchu. Oh, e esse livro é extremamente inspirador, tanto para quem tem ou não alguma deficiência, além dessas referências a outras obras :)

      Excluir
  27. Se eu estou desejando esse livro? Estou sim, obrigada por perguntar!
    Como sempre a DarkSide capricha demais nos livros lançados <3 fico apaixonada. Eu adoro histórias desse tipo, acho que o meu preferido de todos, foi O Menino do Pijama Listrado :')

    A Guerra Que Salvou a Minha Vida está com toda certeza na minha lista de próximos livros!

    | Umapartedemimblog.blogspot.com.br |

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já assisti O Menino do Pijama Listrado, e eu fiquei traumatizada! Não tive coragem de ler o livro </3

      Excluir
  28. Gostei demais da resenha você escreve muito bem a maneira de falar sobre a leitura do livro, agora as fotografias você arrasa na composição sempre. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo carinho, lindinha :)

      Excluir
  29. Oi Luana, como você está? Esse livro é simplesmente incrível. Desde que foi lançado vi muitas resenhas e críticas positivas sobre ele. Que capa mais amorzinho. E esse kit de costura? Muito fofinho. Suas fotos ficaram bem bonitas. Parabéns pela parceria. Desejando sua caneca <3 Beijos, Érika ^.^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, florzinha, fico muito feliz que tenha gostado das fotos. Muito obrigada *-*

      Excluir
  30. Faz Mr.Postman 😍 Depois faz a resenha.
    Amei as fotos e a resenha está muito incrível. Explicativa, mas sem spoilers. Fiquei ainda com mais vontade de ler esse livro. Parabéns pelo post! Como sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por opinar, chuchu ^-^ ah, e eu fico muito feliz que tenha gostado!

      Excluir
  31. Olá , nossa oque dizer deste livro que nem conheço e já curti muito? Amo livros assim que toca nosso emocional. Vou procura-lo.
    E suas fotos que maravilhosas <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, amora <3 espero que leia o livro, porque é um amorzinho!

      Excluir
  32. Eu quero MUITOOOOO ler esse livro ♥
    É daqueles que sei de longe que irei chorar, mas sinto que preciso ler hahah
    E essas fotos ficaram maravilhosas (assim como a resenha!) ♥♥

    Parabéns pela parceria com a DS ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo carinho, fofinha! <3

      Espero que leia e se apaixone também.

      Excluir
  33. Esse livro é maravilhoso, mesmo. Eu amei a leitura, me apaixonei por cada aspecto da história. Fora que a edição tá linda, né?
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, que alegria encontrar alguém que, assim como eu, amou o livro ^-^

      Excluir
  34. Que triste :( Me lembrou um pouco a vibe do "Um Longo caminho para casa" da Danielle Steel - nunca chorei tanto lendo um livro como enquanto "vivia" esse.
    Também não li "A Menina que roubava livros", mas adoreeei o filme. Gostei tanto que não tive vontade de ler o livro (faz sentido? kkk). Adorei as suas fotos.

    Beijos,
    Ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia esse livro que você citou, mas fiquei curiosa, mesmo sabendo que eu choraria durante a leitura hehe. Ah, e faz sentido sim hehe :)

      Excluir
  35. Meu Deus que livro lindo!!! Achei magnífico demais, a história acho que é muito bonita mesmo e me fez pensar nas crianças que estão na Síria e em outros lugares com conflitos, é de partir o coração. Deficiente ou não, merecemos conhecer esse mundo <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sobre isso e muitas outras coisa que o livro nos refletir *-*

      Excluir
  36. A cada resenha que eu leio desse livro a minha vontade de comprá-lo aumenta. O problema mesmo é o preço, os livros dessa editora são maravilhosos e, claro, o preço precisa ser justo, mas meu bolso não reconhece isso hahaha

    Ah, se gosta de livros sobre a segunda guerra mundial eu te recomendo os livros do John Boyne. Já li dois dele é simplesmente amei. <3

    Amei o post e as fotos! Beijos,
    literarizandomomentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, os preços são condizentes coma qualidade dos livros. Fica de olho que sempre tem alguma promoção na Amazon e na Saraiva ;)

      Obrigada pela indicação :*

      Excluir
  37. Estou louca por esse livro desde que ele foi lançado. De verdade. Nem comprei e já to ansiosa pra ter ele nas minhas mãos. Essa história deve ser incrível, inspiradora e tenho certeza que vou chorar bastante kk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois me conta o que achou, amora :*

      Excluir
  38. oi, oi.

    amei, amei, amei. assim com vc, amo ler as histórias que envolvem as guerras. já li vários livros e o que eu mais amei até agora foi "O diário de Anne Frank". se tiver a oportunidade, leia-o. é incrível! <3

    não conhecia "A Guerra que salvou minha vida", mas já devo adiantar que acabei de colocar na listinha. é a leitura que ando precisando: forte, profunda e cheia de lições. sobre as fotos: PERFEITAS! <3

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ter certeza que um dia eu lerei "O diário de Anne Frank" :)

      Excluir
  39. Amo histórias que se passam na Segunda Guerra. Esse livro super leria, adoraria ver a Ada descobrindo o mundo, parece ser bem tocante, já quero! Achei essa capa tão maravilhosa, tenho quase certeza que ele entraria pra minha lista de livros fav desse mundo todinho.
    Skyscrapers

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você leia um dia, lindinha. Me conta o que achou :)

      Excluir

Recadinho: clique em "notifique-me" para descobrir qual foi minha resposta ao seu comentário, e para que possamos conversar melhor ;)