A Garota dos Pés de Vidro (Ali Shaw)


O livro da resenha de hoje apareceu pela primeira vez nesse post, no ano passado, mas, como o final do ano passado foi bem corrido, acabei deixando a leitura para 2017. Foi uma das leituras mais maravilhosas de toda a minha vida, mesmo que a maioria esmagadora das pessoas considere um livro ruim. 

os mistérios de Saint Haunds's Land


Você acreditaria que há uma criatura que transforma tudo o que olha em branco puro? Que há corpos de vidro afundados na água do pântano? E vaca do tamanho de insetos com asas de borboletas? Então ainda não pode enfrentar o que está acontecendo com você. Talvez ainda não tenha percebido, ou ache que é apenas uma farpa no dedo do pé, mas a verdade é que você está, de fato, se transformando em vidro, lentamente. E embora, nesse ritmo, talvez pudesse seguir para sempre, tornando a transformação tão vaga como a morte, nunca se sabe quando seu corpo e sua mente se cansarão da batalha, e você terá de sucumbir à mais fantástica das cristalizações. É hora de acreditar no impossível. E, antes de mais nada, acreditar em si. Porque, se não é mais capaz de surpreender-se e maravilhar-se com os mistérios dessa vida, talvez o seu coração já tenha se endurecido.

Pântanos congelados com animais transformados em vidro, florestas brancas, penhascos monocromáticos, um oceano de baleias, lendas e águas vivas. Cenários cinematográficos, paisagens paradisíacas - isso apresenta uma nova estranheza, uma imprevisibilidade, quando se encontra num grande livro. Este é o universo de Ali Shaw, um novo autor britânico que renova as fábulas e cria uma inusitada história de amor.

Midas  é um tímido fotógrafo ilhéu. Ida é uma jovem aventureira que vem ao arquipélago de Saint Hauda's Land buscar a cura para sua misteriosa doença. Ela está se transformando em vidro. Juntos, os dois explorarão o mapa dessa terra invernal, onde o passado ecoa em cavernas inacessíveis e o futuro pode partir-se num lago congelado.

A garota dos pés de vidro


Este livro se tornou um dos favoritos. Desde que ouvi pela primeira vez o título e a sinopse, fiquei intrigada e imaginando como a história terminaria. Quando finalmente terminei, percebi que minhas expectativas foram mais que muito atendidas.

Ali Shaw criou um universo monocromático, e suas descrições do conjunto de ilhas onde se passa a história só me fizeram ficar ainda mais encantada!

Embora tenha elementos mágicos no livro, como o rebanho de asas e a criatura que transforma tudo em branco, o foco do livro está em Ida, sua doença, e no introspectivo Midas. Ao longo de tudo vemos o fotógrafo enfrentando sua timidez para tentar ajudar a garota peculiar que está se transformando, literalmente, em vidro. Mostra como o amor é importante e traz uma lição que, ao meu ver, poucas pessoas conseguem absorver.

Uma história encantadora, com cenários castos e brancos, pessoas diferentes, que me deixou com lágrimas nos olhos e que nos mostra a importância de acreditar no impossível!

"Mas a questão era que ele não gostava de gente, e as pessoas não se interessavam por ele."
Algo que eu quero ressaltar um pouco mais é o Midas. Ele é um fotógrafo extremamente tímido, tanto que muitas vezes ele se sente estranho por estar ouvindo a própria voz; basicamente, ele enxerga o mundo através de suas fotos . Esses e muitos outros fatores fizeram eu me identificar muito com o personagem. Ver seu desenvolvimento ao longo do livro foi algo maravilhoso, pois não foi algo que não partiu apenas da sua relação com Ida, mas do enfrentamento de perturbações do passado e o descobrimento de um universo além do conjunto de ilhas onde vive.

"O que as outras pessoas não conseguiam perceber é que a fotografia não era um trabalho, um hobby ou uma obsessão; era simplesmente tão fundamental para sua interpretação do mundo como o efeito da luz mergulhando em sua retina."

A edição é bem simples de brochura e sem muitos aspectos que a consideram especial. Claro que a capa é uma verdadeira preciosidade, pois remete muito ao cenários lindos da ilha. As folhas são amareladas, e o espaçamentos é impecável. Acho que a única coisa que ficou um pouco ruim foi a tradução que, às vezes, ficava confusa!




Ah, só esclarecendo: algumas pessoas me questionaram sobre esse óculos, e ele é meu. Mesmo que eu não apareça muito de óculos nas fotos, eu tenho de usá-lo 24 horas por dia, pois meus grau de miopia é muito alto (quase 6 gruas!), e eu fico cega e vesga sem ele. Ah, detalhe que vocês não conseguem ver na foto, mas ele é um baita de um fundo de garrafa haha.




Título original: The Girl With Glasses Feet | ISBN: 978-856293642-5 | Editora: Leya | Páginas: 278

Gostaram da resenha? Alguém se interessou a ler? Alguém já tinha ouvido falar, pelo menos? Até hoje não encontrei ninguém que tenha lido.

Isso é tudo, pessoal! Rainha Vermelha, 

ps de emrgência: se eu sumir daqui essa semana (e amsi alguns dias, vai saber!), é porque amanhã - 17 de abril -  começam a as aulas na faculdade, e eu sei que vai levar algum tempo até eu conseguiur equilibrar as coisas. Não desistam de mim (eu ainda não dessisti).

SOMOS TODOS LOUCOS AQUI

33 comentários :

  1. Que encanto de resenha!

    Nunca tinha ouvido falar do livro ou do autor e me interessei. Esse universo monocromático que você menciona e a aura mágica parecem casar tão bem com a personalidade e história das personagens, né? Acho que o branco combina de alguma forma com a timidez e a introspecção. E o olhar para o mundo através da fotografia é algo tão bem casado com a magia e fantasia.

    Aaaah... parece simplesmente encantador! Adorei! E fiquei completamente apaixonada pelas fotos e pela forma como elas parecem refletir tão bem a atmosfera do livro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado da resenha/fotos e que o livro tenha te interessado. Espero que leia e se apaixone também! <3

      Excluir
  2. Não tinha ouvido falar desse livro e achei a história bastante fantasiosa, o que me deixou bem curiosa para conhecer mais!
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que vai amar o livro, chuchu :)

      Excluir
  3. Nossa que post bonito! Pela resenha curta, mas completíssima e essas fotos! O livro me pareceu bem poético (é só impressão?). Vou colocar na minha listinha ^^

    bjs https://devaneiosdeslocados.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, chuchu, fico muito feliz que tenha gostado. E eu posso garantir que esse livro é poético sim, e as descrições dos cenários só ajudam :)

      Excluir
  4. Também é a capa e a sinopse que me prendem, rs
    Gostei, vou procurar pra ler essse livro 💜

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que leia e que goste, amor :)

      Excluir
  5. Me ganhou só pelo nome do livro!!! Fiquei super curiosa pra ler e me identifiquei um pouco com o Midas só pelo o que você falou. Lindas fotos <3
    Agenda Aleatória

    ResponderExcluir
  6. Muito lindas as fotos do post, adorei o livro fique com vontade de ler. Adorei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado, florzinha ^-^

      Excluir
  7. Gente, a resenha está excelente e super completa, mas o que me conquistou mesmo foram as fotos. Que talento! Gostei muito muito das fotos e da atmosfera delas, deu até vontade de ler o livro ashduiashduai. Parabéns pelo trabalho <3

    Beijos, Vickawaii
    http://www.neverland.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelos elogios e carinho, amor <3

      Excluir
  8. As fotos ficaram lindas e esse óculos, ah dei um charme ainda maior hein. Já ouvi falar do livro, mas confesso que lendo a sua resenha me interessei mais de quando eu tive contato pela primeira vez sabia. Perfeita Lu! \parabéns!
    bjs
    www.simplesmenteciana.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, chuchu *-*

      Ah, posso garantir que os óculos só dão charme para as fotos mesmo, porque eu fico parecendo uma nerd esquisita com um fundo de garrafa no rosto o.O

      Excluir
  9. Me encantei primeiro pela capa, te confesso, mais lendo o seu texto me despertou a curiosidade de saber mais, vou procura-lo para comprar e lê-li. Muito obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu espero que você leia, amora :)

      Excluir
  10. Adorei a resenha, fiquei muito curiosa com só ver a capa, mas lendo me despertou um interesse pelo livro, vou procurar e comprar haha. Obrigada !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois me diz se gostou, chuchu :D

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Oi Luana! Eu quase coloquei esse livro no carrinho esse mês! Achei a sinopse dele super interessante, e agora que tu fez a resenha estou bastante intrigada.

    Beijos
    www.jadeamorim.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, adicione ao carrinho do mês que vem, amora (e me conta o que achou hehe) :)

      Excluir
  13. Achei interessante o livro! Esse ano tenho me desafiado a ler mais e colocarei esse título na minha lista de desejos. Ótimo resenha e sugestão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois me conta se gostou, chuchu ;)

      Excluir
  14. Estou completamente apaixonada por essa capa! Tão pura, simples e, ao mesmo tempo, encantadora, né? A sinopse é bem intrigante e me despertou curiosidade. Sua resenha ficou ótima e as fotos estão magníficas (como sempre). Parabéns! <3

    Beijinhos,
    Attraversiamo.

    ResponderExcluir
  15. Eu te vi falando sobre esse livro em alguma postagem e fiquei muito curiosa com a capa e sua opinião positiva! Achei a premissa muito interessante - uma doença que te transforma em vidro! são tantas metáforas possíveis! - e fiquei com muita vontade mesmo de ler. Parabéns pela resenha, suas fotos estão maravilhosas como sempre.
    Literalize-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu espero que muito que você leia, fofinha. Ah, e me conta o que achou, ok? ^-^

      Beijinhos e obrigada pelo arinho :*

      Excluir
  16. Nunca tinha ouvido falar nesse livro mas parece que é maravilhoso. Vou procurar para comprar. Ótima resenha e lindo Blog. Parabéns 👏❤✌👍

    ResponderExcluir
  17. Nunca tinha ouvido falar nesse livro mas parece que é maravilhoso. Vou procurar para comprar. Ótima resenha e lindo Blog. Parabéns 👏❤✌👍

    ResponderExcluir

Recadinho: clique em "notifique-me" para descobrir qual foi minha resposta ao seu comentário, e para que possamos conversar melhor ;)